Diferença entre sogra do genro e sogra da nora

A diferença entre ser sogra do genro e sogra da nora… Duas distintas senhoras encontram-se após um bom tempo sem se verem.
Uma pergunta à outra:
– Como vão seus dois filhos… a DANIELA e o DANIEL?
– Ah! querida… a DANIELA casou-se muito bem… Tem um marido maravilhoso! É ele que levanta de madrugada para trocar as fraldas do meu netinho, faz o
café da manhã, lava as louças e ajuda na faxina. Só depois é que sai para trabalhar.  Um amor de genro! QUE DEUS O PROTEJA!

– Que bom, heim amiga! E o seu filho, o DANIEL? Casou também?

– Casou sim, querida. Mas tadinho dele, deu azar demais. Casou-se muito mal…  Imagina que ele tem que levantar de madrugada para trocar as fraldas do meu netinho, fazer o café da manhã, lavar a louça e ainda tem que ajudar na faxina! E depois de tudo isso ainda sai para trabalhar… Para sustentar a folgada e preguiçosa da minha nora…!

MORAL DA HISTÓRIA:

Mãe é Mãe… SOGRA É… SOGRA!!!

Anúncios

A velhinha e os peidos

A velhinha foi ao médico:
– Doutor, eu tenho problema com gases, mas realmente isso não me aborrece muito.
Eles nunca fedem e sempre são silenciosos.
Eu vou lhe dar um exemplo concreto:
Eu peidei 20 vezes, pelo menos, desde que entrei em seu consultório.
Aposto que você não sabia que eu estava peidando porque eles não fedem e são silenciosos.
O médico apenas diz:
– Sei, sei… leve estas pílulas, tome 4 vezes ao dia e volte a
semana que vem.
Na semana seguinte, a senhora regressa.
– Doutor, eu não sei que inferno de remédio você me deu, mas
agora meus peidos, embora ainda continuem silenciosos,  fedem
terrivelmente.
– Bom sinal, diz o doutor… Agora que curamos sua sinusite, e
seu olfato voltou ao normal, vamos cuidar do seu ouvido!

Origem dos 10 mandamentos

Deus perguntou aos Gregos:
– Vocês querem um mandamento?
– Qual seria o mandamento, Senhor?
– Não matarás!
– Não obrigado. Isso interromperia as nossas conquistas.

Então, Deus perguntou aos Egípcios:
– Vocês querem um mandamento?
– Qual seria o mandamento, Senhor?
– Não cometerás adultério!
– Não obrigado. Isso arruinaria os nossos fins-de-semana.

Chateado, mas não derrotado, Deus perguntou aos Assírios:
– Vocês querem um mandamento ?
– Qual seria o mandamento, Senhor?
– Não roubarás!
– Não obrigado. Isso arruinaria a nossa economia.

Deus, enfim , perguntou aos Judeus :
– Vocês querem um mandamento?
– Quanto custa?
– É de graça.
– Então manda DEZ!

Academia e afins (VOLTEI)

É isso aew. Para quem não sabe estou na academia a um tempo já. Fazem 6 meses sérios que estou malhando. Faço um pouco de aeróbicos, e agora estou puxando um pouco mais e tb musculação.

Já tinha feito várias vezes e inclusive estava com um corpo legal na penultima vez que fiz, mas sempre que paro ou emagreço demais ou engordo demais (esse depois que casei). mas dessa vez peguei para valer. Estava vestindo calças 52/50 e estou já em 46/44 (as 46 meio que caindo, só com cinto), e camisetas 3g (xxxgl, xxgl) para gg e g.

Estou em uma dieta adequada e treinando todos os dias da semana um treino ABC que faço nesse esquema ABCAB / CABCA / BCABC.

Depois posto cada série.

O idiota e a moeda

Conta-se que, numa cidade do interior, um grupo de pessoas se divertia com o idiota da aldeia. Um pobre coitado, de pouca inteligência, vivia de pequenos biscates e esmolas.

Diariamente eles chamavam o idiota ao bar onde se reuniam e ofereciam a ele a escolha entre duas moedas: Uma grande de 400 RÉIS e outra menor de 2.000 RÉIS. Ele sempre escolhia a maior e menos valiosa, o que era motivo de risos para todos.

Certo dia, um dos membros do grupo chamou-o e lhe perguntou se ainda não havia percebido que a moeda maior valia menos .
– Eu sei, respondeu o tolo. ”Ela vale cinco vezes menos, mas, no dia em que eu escolher a outra, a brincadeira acaba e não vou mais ganhar minha moeda’ .

Pode-se tirar várias conclusões dessa pequena narrativa.

A primeira: Quem parece idiota, nem sempre é.
A segunda: Quais eram os verdadeiros idiotas da história?
A terceira: Se você for ganancioso, acaba estragando sua fonte de renda.

Mas a conclusão mais interessante é a percepção de que podemos estar bem, mesmo quando os outros não têm uma boa opinião a nosso respeito.

Portanto, o que importa, não é o que pensam de nós, mas sim, quem realmente somos.
O maior prazer de um homem inteligente é bancar o idiota diante de um idiota que banca o inteligente.
Preocupe-se mais com sua consciência do que com sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação é o que os outros pensam de você. E o que os outros pensam…é problema deles.